Notícias


uebe.Q versão V11.9

A última versão de 2017 incide principalmente na reestruturação do módulo de “Receção de Matérias Primas” (RMP). Estas funcionalidades foram totalmente desenvolvidas em parceria com os Clientes, incorporando desta forma o conhecimento dos processos de caracterização de fichas técnicas, planos de amostragem, inspeção e gestão de ocorrências da receção de matérias primas. Além deste módulo, foram incluídas funcionalidades para acesso rápido aos “meus documentos”, assim como a possibilidade de um utilizador analisar as suas permissões e solicitar acessos ao gestor da Estrutura Organizacional.

Na configuração do módulo de RMP é possível identificar os tipos de materiais a controlar; os parâmetros a considerar (quantidade, prazo de entrega, receção de documentos, embalagem, etc.) e a sua implicação nos méritos ou deméritos; as tipologias de características (altura, embalagem, funcionalidade, etc.); intervalos de tolerância; tipos de normas; e regras de inspeções (receções iniciais, inspeções após rejeição, etc.).

A caracterização da ficha técnica de artigo é o documento controlado, obedecendo aos circuitos do uebe.Q, onde se definem as características necessárias ao controlo, nomeadamente os fornecedores associados, os artigos equivalentes, as normas aplicáveis, a tipologia de materiais e a gama e plano de controlo. Tal como outros documentos controlados, é possível gerir uma base de dados de sugestões e análises criticas, assim como listas de distribuição externas.

Os planos de amostragem poderão ser fixos (definindo um valor de amostra), com base em fórmulas definidas pelo utilizador ou por escalões (identificando quantidades mínimas e máximas e números de aceitação e rejeição).

As Gamas e Planos de Controlo são também documentos controlados, podendo ser genéricas (por tipo de material) ou associadas a uma ficha técnica específica. Esta funcionalidade permite caracterizar as inspeções a executar, quer sejam qualitativas ou quantitativas. Desta forma, o sistema fornece ao utilizador toda a informação necessária para a realização das inspeções, quantitativas e qualitativas.

O módulo permite uma gestão centralizada das ocorrências, na produção e no Cliente, com impacto na periodicidade de inspeções, ligação ao plano global de melhoria / produto não conforme e com rastreabilidade às reclamações a fornecedores e reclamações de Clientes.

Os relatórios standard permitem a impresso de etiquetas (com os dados da receção do lote e respetivo estado), fichas técnicas de artigo, gamas e planos de controlo, ocorrências e inspeções qualitativas e quantitativas.